h1

Cheiro a viagem

Dezembro 10, 2005
É mesmo aquela altura em que se acendem luzes, se ouve a música circular pelas lojas.
Tenta-se adivinhar desejos amigos à espera de serem satisfeitos, faz-se prova de existência e de resistência…
…segue-se a magia, às vezes nos olhos dos outros, às vezes dentro dos sonhos partilhados, outras seguindo o que temos cá dentro.

Entrar de rompante num tempo e cumprir gostosamente o cerimonial de dar e receber – mesmo aqueles cujo maior prazer nesta vida é dar/receber sem marcação prévia – é permanecer acordado.

E à noite, pela cidade, há cansaços que já não podem sonhar, há tempo a escorrer, como grãos de areia, por entre os dedos. Há silêncios que são presságio de viagem. E há dias em que acompanhamos o nascer do Sol com óculos escuros.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: